(11) 2338-2157
zac@zacimoveis.com.br CRECI 022268J

Dia Mundial da Fotografia

Dia Mundial da Fotografia

O Sesc Avenida Paulista, na região central da capital, recebe 56 fotografias, parte inédita, feitas por Sebastião Salgado na década de 1980 no garimpo de Serra Pelada, no sul do Pará. A região sofreu uma intensa corrida pelo ouro na época, quando recebeu dezenas de milhares de homens que transformaram uma serra de morros em uma enorme cratera.


Sebastião salgado -não é simplesmente um dos melhores fotógrafos do Brasil - ele está entre os maiores fotógrafos contemporâneos do mundo, uma figura de destaque cujo trabalho já fez a história do meio. Fotógrafo documental, Salgado trabalha principalmente em projetos de longo prazo; produziu excelentes ensaios fotográficos sobre os índios e camponeses da América Latina, o trabalho manual e as migrações em massa do campo para as cidades, entre outros. Nos últimos oito anos, ele dedicou seu trabalho ao meio ambiente.



Outro grande nome na fotografia é Marc Ferrez - principal fotografo brasileiro do século XIX e o mais significativo fotógrafo do período no acervo do Instituto Moreira Salles. Por isso, o instituto abre até o dia 25 de Agosto, uma extensa mostra com obras do fotógrafo-  Marc Ferrez: território e Imagem.


A exposição consta com mais de 300 itens, incluindo fotografias e álbuns originais, negativos de vidro, câmeras e equipamentos que discute o papel da imagem fotográfica no processo de exploração do território nacional.


Sua produção foi massiva e suas fotografias documentam a consolidação do brasil como nação e o RJ como uma metrópole . Marc Fotografou tribos indígenas e o Imperador Pedro II declarou Ferrez o "fotógrafo da Marinha Real", por conta de sua habilidade por causa de sua habilidade superior de neutralizar os movimentos dos navio.


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.